Avaria na estrada: como reagir em segurança

Saiba como evitar riscos para condutores e passageiros

A experiência de ficar com o carro avariado é, infelizmente, frequente. Alguns esperam pelo reboque, outros são obrigados a pôr em prática os seus conhecimentos.

E a segurança? Quais os passos imediatos a tomar? Saiba como proceder nas situações mais comuns.

Primeiro, o essencial: 5 regras básicas de segurança

A paragem e o estacionamento na berma são permitidos, desde que se tomem as devidas precauções (artigo 48º do Código da Estrada). Em caso de imobilização por avaria, a lei impõe o uso de luzes de perigo ou emergência (os quatro piscas), sinal de pré-sinalização de perigo (o triângulo) e do colete refletor sempre que o veículo fique imobilizado na faixa de rodagem ou na berma. Mas para além destes gestos obrigatórios, há 5 regras básicas de segurança que deve cumprir:

  1. Pare sempre em locais e em condições de segurança, para si e para os passageiros.

  2. Saia sempre que possível do lado direito do veículo, bem como os passageiros, e não fique em caso algum do lado esquerdo do veículo.

  3. Mantenha os animais no interior do carro – deixe as janelas entreabertas e água disponível.

  4. Ligue as luzes de emergência e, por precaução, ligue também os mínimos de modo a ser bem visto.

  5. Informe os serviços de assistência, sempre que haja crianças, idosos, grávidas ou pessoas com necessidades especiais, de modo a ser estabelecida a devida prioridade na assistência.

 

E o que fazer, especificamente, em contextos diferentes?

Avaria em autoestradas ou vias rápidas

Parar ou estacionar o carro numa autoestrada é proibido. No entanto, quando ocorre uma avaria ou acidente é necessário proceder com a máxima segurança:

Afaste o veículo da faixa de rodagem– dirija-se para a berma e ligue as luzes de perigo (os quatro piscas). Ficar em plena via é perigoso para todos.

Chame a assistência – utilize os telefones de emergência ou o seu telemóvel. O sistema de chamada de emergência atualmente presente em alguns modelos de carros e motos também poderá ser acionado.

Sinalize o veículo - a imobilização numa autoestrada representa um perigo potencial. Vista o colete refletor no interior do carro e coloque em seguida o triângulo a uma distância não inferior a 30 metros da retaguarda do veículo e visível a, pelo menos, 100 metros de distância.

Mantenha os passageiros no veículo com os cintos colocados - se por razões de segurança não for possível, encaminhe-os para uma zona distante da berma, para lá dos separadores. Muitos acidentes em autoestradas resultam de embates em veículos avariados ou imobilizados. Portanto, a presença de passageiros (e a sua) na berma deverá ser evitada.

Ao regressar à faixa de rodagem, acompanhe a velocidade dos outros veículos - muitos acidentes provocados por veículos avariados dão-se no momento em que, após ultrapassado o problema que motivou a paragem, o condutor retoma a circulação. Ganhe velocidade semelhante à dos restantes veículos ao reentrar na via.

O que não deve fazer: não acene a outros veículos para pedir auxílio, não abandone o carro sem garantir condições de segurança e não fique ao lado da viatura.

Avaria numa estrada secundária

Procure uma zona tranquila ou estacionamento – pare sempre em segurança.

Se estiver numa zona movimentada - encoste o mais à direita possível e ligue as luzes de emergência.

Se não conseguir resolver a avaria chame a assistência - aguarde dentro do carro, desde que seja seguro fazê-lo.

Não se esqueça – ligue as luzes de emergência, coloque o colete refletor e assinale a zona com o triângulo.

Mantenha crianças e animais em segurança – especialmente se iniciar reparações.

Pense sempre na segurança – sua, dos passageiros e dos restantes condutores e peões.

Avaria num túnel

Desligue o motor - evite a emissão de fumos tóxicos.

Cumpra o essencial – ligue as luzes de emergência, coloque o colete refletor e assinale a zona com o triângulo.

Se a avaria não permitir prosseguir viagem - os passageiros devem sair do carro e dirigir-se para o refúgio ou saída de emergência mais próximos.

Em caso de fogo no túnel - encoste o carro o mais à direita possível e desimpeça as vias para os veículos de emergência.

Prepare-se para seguir o mais rapidamente possível no sentido oposto ao incêndio - até chegar esse momento, desligue o motor.

 

Por fim, seja previdente

Prepare-se para futuras avarias - traga consigo luvas, lanterna, extintor, kit de primeiros socorros e impermeável.

Mantenha o seu veículo em forma - faça as revisões programadas, preste atenção aos avisos no painel de instrumentos e verifique regularmente o óleo, líquido refrigerante e pneus.

Proteja-se de futuros problemas através da Assistência ACP com Proteção de Avaria - se o seu carro ou moto avariarem e a reparação no local não for possível, transportamos o seu veículo para uma oficina à sua escolha, com mão de obra paga. Paga apenas o custo das peças. Consulte as condições da Proteção de Avaria.

Obter mais informações

scroll up