Qatar oferece vacinação a todo o paddock do MotoGP

|AUTOCLUBE

Com a vacinação já muito avançada no país, o Qatar vai oferecer a vacina contra a Covid-19 a toda a caravana do MotoGP.

Qatar

As campanhas de vacinação contra a Covid-19 já estão a decorrer por todo o mundo, mas a diferentes velocidades, com o Qatar a ser um dos países que se encontra mais adiantado nessa matéria. De tal forma que o país já atingiu um ponto em que se pode dar ao luxo de disponibilizar a inoculação a cidadãos não residentes.

Um facto que lhe permitiu, em parceria com a Dorna, disponibilizar a vacinação a todo o paddock do MotoGP que já se encontra no país para os testes oficiais e que por lá vai continuar até ao início da abril para disputar as duas primeiras jornadas do ano.

“O Estado do Qatar acelerou muito o programa de vacinação contra a Covid-19 em 2021 e, em resultado desse processo, tem agora a possibilidade de oferecer o acesso à vacina aos elementos do paddock do MotoGP,” lê-se num comunicado da Dorna, detentora dos direitos comerciais do Campeonato do Mundo.

“Todos os elementos do campeonato, incluindo os que trabalham e viajam com o paddock do MotoGP, vão ter a oportunidade de ser vacinados contra a Covid-19. O programa tem por objetivo aumentar a proteção de todos os que estão no paddock do MotoGP e todos que entrarem em contacto com o paddock conforme o campeonato for viajando pelo mundo esta época.”

A medida também foi oferecida pelo Bahrein a toda a caravana do Campeonato do Mundo de Fórmula 1, que tem início nesse país a 14 de março, mas os responsáveis pela categoria rainha do automobilismo não aceitaram.

scroll up