Gasley estreia-se a vencer na F1 em Itália

|AUTOCLUBE

Pierre Gasley assinou a primeira vitória da carreia no GP de Itália, prova que ficou marcada pelo aparatoso acidente de Leclerc.

F1-ITA

Foi um Grande Prémio de Itália incrível, com Pierre Gasly, da AlphaTauri, a estrear-se no mais alto do pódio da Fórmula 1 depois de uma corrida repleta de emoções fortes. A primeira surgir na sequência de uma saída de pista de Kevin Magnussen (Haas), que obrigou à entrada do Safety Car em pista.

Um momento que acabou por ser determinante para a prestação de Lewis Hamilton. O piloto da Mercedes, que partiu uma vez mais da pole position, cometeu uma infração durante o período de Safety Car ao entrar nas boxes quando estas estavam fechadas e foi penalizado com um stop/go de 10 segundos.

O Campeão do Mundo só acabou por cumprir a penalização à 28ª volta, já depois da interrupção de 25 minutos provocada pelo aparatoso acidente de Charles Leclerc, que bateu forte com o Ferrari na Parabólica.

Quem mais beneficiou foi Gasly, que deu por si na frente da corrida depois de ter ido às boxes antes da entrada do Safety Car em pista. O francês lidou depois de forma brilhante com a pressão para se estrear a vencer na Fórmula 1 e logo na corrida caseira da AlphaTauri.

Atrás dele terminaram Carlos Sainz (McLare) e Lance Stroll (Racing Point) no que foi um pódio bem fora do que tem sido normal na categoria rainha nos últimos tempos.

O quarto posto ficou para Lando Norris (McLaren), que se defendeu muito bem dos intuitos de Valtteri Bottas (Mercedes). Daniel Ricciardo (Renault) foi sexto, à frente do britânico Hamilton, enquanto Esteban Ocon (Renault), Daniil Kvyat (AlphaTauri) e Sergio Perez (Racing Point) completaram o Top 10 numa corrida em que os dois Ferrari não chegaram ao fim. Ainda muito antes do acidente de Leclerc, Sebastian Vettel abandonava na corrida caseira da Ferrari ao cabo de seis voltas.

scroll up