Test-drive ACP com Marta Champalimaud

|AUTOCLUBE

Um sócio ACP experimenta um modelo novo no mercado e tem um “assistente” de condução inesperado. Pedro Lamy faz as honras. 

marta-1

Apaixonada por automóveis, com uma estrelinha muito cintilante em relação à Mercedes-Benz, Marta Champalimaud testou pela primeira vez o EQC 400 4Matic: “É o primeiro elétrico que conduzo que mais se compara com um automóvel de motor a combustão”.

Marta Champalimaud chegou às instalações do ACP no Prior Velho para contactar pela primeira vez com o EQC, deixando à porta um AMG GT 63S, de coração V8 Biturbo 4Matic+, um carro da família Mercedes-Benz com a exuberância dos seus 571 cv.

Apesar das evidentes diferenças ecológicas, o EQC 400, 100% elétrico, surpreendeu a empresária, que partilhou impressões com Pedro Lamy: “É um Mercedes-Benz típico, não faz é barulho”, gracejou Marta.

O test-drive incluiu um passeio pela cidade na companhia de uma das filhas da empresária. A meio do percurso, Pedro Lamy passou para o volante e testaram os travões: “É carro, é Mercedes”.

A conversa centrou-se nas várias energias disponíveis no mercado. A autonomia dos carros elétricos, a dicotomia elétricos/combustão e ainda o hidrogénio, que Marta Champalimaud acredita ter mais futuro que os elétricos. A oferta de carregamento público e particular para os automóveis elétricos foi também abordada e a conclusão chegou rapidamente: “Estes carros são para a cidade, não são para viagens longas”.

Para quem gosta de automóveis potentes, o barulho do motor é um fator importante. “Só compro um elétrico quando fizer barulho”, gracejou a empresária. “Gostei muito da experiência, o que não quer dizer que venha a comprar um carro elétrico. Por dentro, o EQC é um Mercedes, confortável e intuitivo, o que é, evidentemente, um elogio, tal como a dinâmica de condução. Acho que, no futuro, todos vão ter um carro elétrico para as cidades, embora para grandes viagens a opção possa ser outra. Foi um prazer ter contado com a companhia do Pedro Lamy”. concluiu Marta Champalimaud.

O primeiro veículo Mercedes-Benz sob a marca EQ é totalmente elétrico,contando com uma autonomia aproximada de 417 km. O novo EQC 400 4Matic Coupé, está equipado com dois motores elétricos nos eixos dianteiro e traseiro, contando com uma potência combinada de 408 cv.

scroll up