Félix da Costa pouco feliz na penúltima corrida

|AUTOCLUBE

Campeão de 2020 da Fórmula E não termina corrida, isto depois de ter levado a cabo positiva recuperação.

Rowland

A penúltima corrida da Fórmula E, também disputada no circuito alemão de Templehof, em Berlim, não correu de feição a António Félix da Costa. Depois de se ter sagrado Campeão do Mundo no domingo passado, e de com isso ter contribuído de forma determinante para mais um título de equipas para a DS Techeetah, o português teve hoje uma dia para esquecer.

Primeiro foi um erro de cálculo na qualificação. Deixando o ataque à volta rápida para o final, Félix da Costa acabou por se ver prejudicado, e por prejudicar, o colega de equipa Jean-Éric Vergne, Sébastien Buemi e Lucas di Grassi, com os quatro a não registarem tempo e a ficarem relegados para os últimos quatro lugares da grelha.

Aquando da corrida, Félix da Costa tratou de tentar recuperar o máximo de posições, chegando mesmo a ser o mais eficaz dos quatro nesta matéria, mas ao cair do pano acabou por não conseguir terminar, tal como Vergne, no que acabou por ser o pior resultado da equipa esta época.

Alheios a todos estes problemas, Olivier Rowland estreou-se a vencer na Fórmula E, com Robin Frijns e René Rast a completarem o penúltimo pódio da época.

scroll up