Hamilton e a Mercedes voltam às vitórias na Grã-Bretanha

|AUTOCLUBE

O piloto britânico alcançou a 99ª vitória da carreira, 9 pódios consecutivos no mesmo circuito e a 8ª vitória em casa.

Hamilton-e-Bottas-2-900

Não foi uma corrida fácil para o campeão do mundo, até porque um acidente controverso, mas sem consequências físicas para Verstappen, logo na volta inaugural, acabou por marcar em definitivo o desfecho deste GP de F1 por terras inglesas. E foi precisamente em Silverstone que Hamilton fez tudo para sair vitorioso. Falhou a “Pole” para Verstappen, foi penalizado em 10 segundos após o acidente, mas conseguiu nas voltas finais ultrapassar Charles Leclerc que tinha herdado a liderança da corrida após o acidente entre os dois protagonistas. Leclerc aguentou tudo até ao fim, mas estava escrito que Lewis Hamilton ia inscrever no seu circuito a 8ª vitória e nove pódios consecutivos, relançando a luta pelo campeonato com Max Verstappen, que continua na liderança.

Desta vez a Red Bull ficou sem pontos, pela primeira vez nesta temporada, Verstappen desistiu após o acidente e Sérgio Perez ficou fora dos pontos, mas conseguiu contribuir para a Red Bull assinando a volta mais rápida deste Grande Prémio britânico. Valtteri Bottas “deixou” passar Hamilton para caminhar para a vitória, terminando a corrida no 3º lugar, atrás de um Charles Leclerc que provou o seu valor comandando a prova durante muito tempo, dando à Ferrari novos motivos para sorrir. Depois de um pódio carregado de emoções, a McLaren conquistou pontos preciosos com o 4º lugar de Lando Norris e a 5ª posição de Daniel Ricciardo, na frente do Ferrari de Carlos Sainz.

Depois do GP britânico, e apesar do abandono, Max Verstappen mantem a liderança com 185 pontos, tendo agora Lewis Hamilton muito mais perto com 177 pontos. Seguem-se Lando Norris com 113, Valtteri Bottas com 108 e Sérgio Perez com 104 pontos. Entre os construtores a Red Bull continua na frente com 289 pontos, mas agora com a Mercedes a apenas quatro pontos de diferença, com 285. A McLaren está na 3ª posição com 163 pontos. A próxima prova é o GP da Hungria a 1 de agosto.

scroll up