C4 é um novo conceito da Citroen com forte identidade

|AUTOCLUBE

Com motorizações para todos os gostos, o novo C4 é um modelo determinante para a marca e interpreta as exigências dos novos tempos.

C4-dupla-840

Um novo conceito de berlina e uma nova plataforma em estreia no novo Citroen C4. Um automóvel que aposta num forte design, conforto a toda a prova e tecnologias de ponta. Um intérprete irrepreensível dos novos tempos, o novo Citroen C4 é o primeiro modelo do segmento C a chegar ao mercado com uma versão 100% elétrica, mas também com propostas térmicas diesel e a gasolina. Com uma silhueta elegante e aerodinâmica é, no entanto, a traseira do modelo que mais chama a atenção, não apenas por romper com conceitos estabelecidos, mas essencialmente por demonstrar robustez e segurança. No interior respira-se espaço, conforto e conduz-se numa posição elevada, para além de se encontrarem inúmeras soluções práticas para arrumações.

Sete cores e 31 combinações possíveis contribuem para um sorriso atraente do novo C4 que exibe novas assinaturas luminosas e um interior transformado com materiais de qualidade e decorações que determinam seis ambientes diferentes, mais sóbrios ou originais. O conforto é palavra de ordem na Citroen e o novo C4 interpreta na perfeição esses desígnios, através de uma suspensão com excelente filtragem, bancos com apoios reforçados que contribuem para uma postura adequada em rolamento, para além de uma facilidade de utilização e de uma excelente acústica. As novas tecnologias estão todas a bordo do C4, tanto em termos de ajudas à condução, como na segurança e conectividade.

Em termos de motorizações existem três opções, desde a novidade 100% elétrica que aponta para 350 km de autonomia, passando pelo motor térmico a gasolina de três cilindros 1.2 Puretech com potências de 100, 130 ou 150 cavalos com caixa manuakl de siess velocidades ou automática de oito relações nas versões mais potentes. A opção diesel também está disponível no novo Citroen C4, com o bloco 1.5 BlueHDI a disponibilizar 100 cv de potência com caixa manual de seis velocidades ou 130 cv com caixa automática de oito velocidades. Em relação a preços, a versão a gasolina 1.2 Puretech oscila entre os 23.607€ e os 33.107€, consoante a potência e o nível de equipamento. O diesel tem um leque de preços entre os 27.707€ e os 34.908€, enquanto a versão elétrica está disponível entre os 37.607€ e os 41.407€.

scroll up