FMP forçada a cancelar SX, mas mantem MX

|AUTOCLUBE

O Nacional de Supercross é a mais recente vítima da pandemia da Covid-19 a nível nacional.

Motocross

A Federação de Motociclismo de Portugal anunciou esta quarta-feira o cancelamento do Campeonato Nacional de Supercross, tudo por causa da pandemia de Coronavírus.

Com o calendário composto por cinco provas a disputar em agosto e setembro e com a forte possibilidade dos eventos não poderem receber público, devido às medidas preventivas impostas pela DGS, a Comissão de Motocross da FMP, em conjunto com as várias organizações, decidiram cancelar o Campeonato Nacional de Supercross de 2020.

“Foi uma decisão difícil, mas por todos considerada como a mais acertada,” começou por explicar Rodrigo Castro, Presidente da Comissão de Motocross da FMP, em relação ao cancelamento do Campeonato deste ano, se bem que o regresso em 2021 está já a ser estudado.

Paralelamente, em sentido inverso e também em acordo com os vários organizadores e promotores, a FMP fez saber que está apostada em reatar os Campeonatos Nacional e Regionais de Motocorss a partir de setembro, isto depois da interrupção dos mesmos imposta pela Covid-19.

“Vamos fazer tudo para realizar o campeonato de Motocross com todas as condições e, acima de tudo, com a esperança de poder ter público pois só assim as corridas fazem sentido,” reforça Rodrigo Castro.

scroll up