Dorna anuncia acordo para dois GP em Jerez de la Frontera

|AUTOCLUBE

A detentora dos direitos do MotoGP chegou a acordo com o Governo da Andaluzia para a realização de duas provas, só falta acertar com Governo Central.

MotoGP-back

Por enquanto trata-se de um acordo atingido entre a Dorna, detentora dos direitos do MotoGP, o Governo Regional da Andaluzia e o Município de Jerez de la Frontera para a realização dos dois primeiros Grandes Prémios de MotoGP de 2020 já nos próximos dias 19 e 26 de julho.

Agora falta apresentar a proposta ao Governo Central, que deverá avaliar o plano elaborado pelas três partes e do qual consta uma redução do pessoal no paddock das habituais 4.000 pessoas por prova, para apenas 1.300. A isto junta-se ainda a obrigatoriedade de realização de testes de despistagem da Covid-19 à entrada e saída do circuito. Outra das certezas é que as provas serão realizadas à porta fechada, com o circuito sem qualquer tipo de público.

A reunião, que teve lugar esta manhã por via eletrónica entre Juan Antonio Marín, Vice-Presidente do Governo Regional da Andaluzia, Mamen Sánchez Díaz, Presidente da Câmara de Jerez de la Frontera, e Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna, incluiu ainda a realização de uma ronda do Mundial de Superbikes, campeonato também sob a alçada da Dorna, no mesmo traçado a 2 de agosto.

scroll up