Novo Audi Q3 Sportback eleva a fasquia no design e atitude

|AUTOCLUBE

As características de um SUV com a emotividade de um coupé, revelam duas personalidades num só estilo.

@video=gDqHpwpzIao

Para a Audi este poderá ser o SUV mais emotivo do segmento A Primium, com um toque provocante e desportivo, vincando um carácter extrovertido para rejuvenescer a clientela da marca. As boas sensações criadas pelo Q3, foram elevadas à máxima potência com este conceito SUV Coupé, onde uma linha de cintura mais baixa, ajuda a prolongar umas formas mais estimulantes em design, a partir do pilar B, gerando uma traseira mais desportiva.

Assente na plataforma MQB, portanto com a mesma distância entre eixos, o Sportback é tecnicamente igual ao Q3, mas dotado de uma direção muito mais precisa, que transmite maior dinâmica. Completamente digitalizado de série, com painel e ecrã de última geração, últimas tecnologias de segmentos superiores, o espaço interior não foi penalizado, apesar deste SUV Coupé ser ligeiramente mais baixo. Bancos traseiros reguláveis e uma bagageira que oferece a mesma capacidade do Q3 (530 litros sem rebater qualquer banco) renovam os dotes de um automóvel elegante, eficaz e conectado.

Manobrável na cidade, ágil em autoestrada e equilibrado e estável em estrada com zonas sinuosas, a suspensão do Audi Q3 Sportback oferece uma amplitude de soluções para qualquer situação. O caráter desportivo do modelo foi mantido, ultrapassando o novo SUV coupé estradas de muito mau piso com facilidade, graças também à sua distância entre eixos. Como opção, o condutor pode variar as características do Audi Q3 Sportback dependendo da situação de condução, condições da estrada ou de uma definição personalizada através do sistema dinâmico Audi drive select.

Com dois níveis de equipamento, Base e S line (+ 2.550€), o Audi Q3 Sportback já está disponível na rede de concessionários da marca, mas nesta fase apenas com motor turbo-diesel de 2,0 litros e caixa automática S tronic. O 35 TDI com 150 cv tem preços a partir de 51.600€, enquanto o 40 TDI quattro, de tração integral e com 190 cv, arranca nos 62.600€. Em janeiro chega a versão a gasolina, o 35 TFSI, com um motor de 1,5 litros e 150 cv, com sistema Mild Hybrid.

scroll up