Gasolineiras abertas o dia todo em Lisboa

|AUTOCLUBE

Apesar das limitações ao comércio impostas na Área Metropolitana de Lisboa, a venda de combustível mantém-se sem restrições.  

combustivel

A Área Metropolitana de Lisboa (AML) está sujeita desde terça-feira a medidas mais restritivas para conter os casos de Covid-19, entre as quais a proibição de funcionamento de todos os estabelecimentos de comércio a retalho e de prestação de serviços, bem como os que se encontrem em conjuntos comerciais, a partir das 20h.

Já tinha sido estabelecida uma exceção para os estabelecimentos de restauração exclusivamente para efeitos de serviço de refeições.

O novo despacho determina que os estabelecimentos que tenham autorização para funcionar 24 horas por dia, como áreas de serviço, podem reabrir às 6h.

No entanto, os postos de abastecimento de combustíveis podem continuar a funcionar 24 horas por dia, mas “exclusivamente para efeitos de venda ao público de combustíveis e abastecimento de veículos”.

O diploma que estabeleceu as medidas mais restritivas para a AML já tinha proibido “a venda de bebidas alcoólicas nas áreas de serviço ou nos postos de abastecimento de combustíveis localizados na AML".

Também foi proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços ao ar livre de acesso ao público na AML, "excetuando-se os espaços exteriores dos estabelecimentos de restauração e bebidas devidamente licenciados para o efeito" (esplanadas), que estão limitados ao encerramento até às 20h.

A AML é integrada pelos municípios de Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odivelas, Oeiras, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Sintra e Vila Franca de Xira.

scroll up