Música na corte portuguesa do século XIX por Rui Castilho de Luna

Este programa destina-se a todas as idades a partir dos 12 anos com interesse na história da música em Portugal e na música da Casa Real Portuguesa. A importância da música na Corte Portuguesa do Século XIX. Dos reinados de D. João VI e D. Manuel II. É um convite a uma viagem musical, no tempo e nos espaços da Corte Portuguesa.

Os participantes assistem a uma palestra com a duração de 45min/1hora, na plataforma Zoom, onde serão apresentados documentos de época (alguns inéditos e música), num total de 8 sessões.

 

Serão abordados temas como:
A formação e o gosto musical dos Reis de Portugal. As Reais Bandas Militares, a Orquestra da Real Câmara, as obras musicais dedicadas aos Reis de Portugal. O mecenato Real, o fado na Corte, a mesa Real e a música, os compositores e os instrumentos da Casa Real, entre outros temas.

No fim desta ação, pretende-se que os participantes adquiram mais conhecimentos sobre os oito temas principais a tratar neste programa: “A Música na Corte da Rainha Dona Maria II”. “A Sua Majestade a Rainha Dona Amélia de Portugal”. ”D. João VI e a Música na Corte do Rio de Janeiro”. “A Educação dos Príncipes da Casa de Bragança no Século XIX”. “O Imperador do Brasil, D. Pedro I e a Música”. “D. Luiz I e a Música no Palácio da Ajuda”. “Os lugares da Música na Corte Portuguesa do Século XIX”. “D. Manuel II, o Rei Músico”.

Datas das palestras: 8 sessões às 5as feiras, com início a 19 de novembro | Horário: 22h.


10€ por palestra
Reserve já o seu lugar
Inscreva-se já

 

Rui Castilho de Luna

Fez a sua formação musical e operática em Veneza na Fundação Morello e, posteriormente, em Londres no Royal College of Music, Royal Academy of Music e em Paris, na Ópera Comique. Recebeu inúmeros prémios e distinções em Concursos Internacionais de Canto (Jovens Músicos de Roma e Mérito Artístico de Brasília,…).Foi nos últimos dez anos músico da AIM de Nova Iorque.

Tem actuado em palcos por todo o mundo, acompanhado por prestigiadas orquestras, maestros e pianistas (Sinfónica de Budapeste, China, Roménia…) Cursou História na Universidade Livre e Lusófona. A par da carreira musical, dedica-se à investigação de fundos musicais do século XIX português. Tem sido convidado a participar em seminários, palestras e conferências nas Universidades Católica, Lusófona, Clássica de Lisboa e Universidade de Sevilha, assim como o Instituto Camões, Fundação das Casas de Fronteira e Alorna, Biblioteca Nacional, etc.

A convite da Fundação da Casa de Bragança, iniciou em 2013 uma intensa investigação sobre o acervo musical da Rainha D. Amélia, D. Maria II, já publicados na coleção “Livros de Muitas Cousas” da Fundação da Casa de Bragança e a publicar em 2022 sobre D. Manuel II “ O Rei músico”.

scroll up