O Bentley do futuro pode muito bem vir a ser o EXP 100 GT

|AUTOCLUBE

Por enquanto é um manifesto de intenções, mas representa o tipo de carros que a marca que produzir daqui a uns anos.

bentley exp_100_gt

A Bentley celebra o seu primeiro centenário revelando o EXP 100 GT, um protótipo que antevê o que o futuro reserva para a marca no que toca à mobilidade em termos de condução autónoma movida a eletricidade.

O Bentley EXP 100 GT representa o tipo de carros que queremos fazer no futuro. Como os Bentley icónicos do passado, este carro liga-se às emoções dos seus passageiros e ajuda-os a experienciar e salvaguardar as memórias das viagens realmente extraordinárias que fazem”, afirma Stefan Sielaff, Diretor de Design Bentley.

Com 5,8 m de comprimento e 2,4 m de largura, o seu design tem muito em comum com o do Continental GT, embora com proporções diferentes. A ausência de um motor de combustão permite uma frente mais curta. Os elementos visuais caraterísticos da marca foram reinterpretados de outra forma. Veja-se a forma como os faróis interagem com a grelha dianteira. O EXP 100 GT é ainda anunciado com uma autonomia máxima possível de 700 km. Também as baterias poderão ser carregadas até 80% da sua capacidade em apenas 15 minutos.

Este Bentley do futuro terá quatro os motores elétricos, garantindo tração às quatro rodas e vetorização do binário. Demora menos de 2,5s para atingir os 100 km/h para uma velocidade máxima de 300 km/h. A marca não revelou qual vai ser a sua potência máxima, mas anuncia um máximo de 1500 Nm de binário.

Autoclube Jornal

scroll up