O primeiro carro de Maria Guiomar Vieira

|AUTOCLUBE

 

ACP Clássicos - o primeiro carro de Maria Guiomar Vieira

"O ACP está onde e quando é chamado a intervir”

Maria Guiomar Vieira (sócia 154904) recorda com saudade o seu 2 CV, que teria conservado se tivesse tido essa oportunidade.

Qual foi o seu primeiro carro?

Foi um Citroën 2 CV amarelo oferecido como presente de aniversário, nos já longínquos anos 70.

Foi um modelo que marcou a história automóvel.

Sim, a sua suspensão marcou a história automóvel e foi desenhada pelo engº Alphonse Forceau. Parte essencial do charme do 2 CV era aquele tejadilho que se enrolava para ter um descapotável.

Que recordações lhe deixou?

Quando alguém fala do Citroën 2 CV, o meu rosto ainda se abre num sorriso feliz, tal como eu achava que o meu 2 CV se deliciava por encontrar uma descida acentuada, com o conta-quilómetros a chegar aos 120 km/h e depois “trepar” sem necessidade de meter uma terceira. Exigia uma condução como hoje se diz, inteligente. Se tivesse tido oportunidade, teria conservado o meu Citroën 2 CV.

Que tipo de condutora se considera?

Sou uma condutora de espelhos – retrovisor e laterais – porque a condução urbana, sem distâncias de segurança, ultrapassagens pela esquerda, direita ou em zigzag, a presença de motas e outros veículos de duas rodas assusta-me.

Quais os serviços do ACP que mais utiliza?

A minha relação com o ACP é recente e começou no Golfe. A partir daí descobri os serviços que o clube tem para oferecer. Utilizo mais os seguros, renovação de documentos, médico em casa e assistência em viagem.

Na estrada costuma contar com o seu clube?

Lembro-me há dois anos quando estava a estacionar e o meu carro foi abaixo. Após várias tentativas sem sucesso, chamei a assistência do ACP, que chegou em meia hora. Substituiram a bateria e ?quei com o problema resolvido.

Para si, o ACP é sinónimo de…

A partir deste episódio diria que o ACP para mim é sinónimo de presença: está onde e quando é chamado a intervir.

scroll up