O primeiro carro de Vanessa Oliveira

|AUTOCLUBE

 

ACP-Classicos-Primeiro-Carro-Vanessa-Oliveira-detalhe

"Para mim, companheirismo e presença são as palavras que melhor definem o ACP”

Vanessa Oliveira gosta de carros, mas o primeiro não lhe deixa saudades pelo acidente que sofreu. 

Depois de um acidente, Vanessa Oliveira deixou de conduzir o seu primeiro carro e vendeu-o logo sem hesitar. Ainda hoje não lhe deixa saudades. A apresentadora de televisão é natural de Lisboa e tem um filho.

Qual foi o seu primeiro carro?

Foi um Fiat Uno preto.

Ainda hoje lhe deixa saudades?

Não, porque tive um grande acidente com ele. Nunca mais o guiei e vendi-o logo.

Mas tem algum episódio agradável que goste de recordar?

Só mesmo o facto de ter sido o primeiro carro, de resto mais nada.

O que mais aprecia nos automóveis?

A comodidade, a performance e a segurança.

Tem algum carro de sonho?

Gosto de vários, mas um Porsche Cayenne topo de gama era um espetáculo.

Gosta de conduzir?

Sim e mais durante o dia. À noite já me custa muito.

Para si uma grande viagem de carro seria até…

Até Lagos. A partir daí só de avião.

O que pensa dos carros autónomos?

Não têm piadinha nenhuma. A melhor emoção que um carro nos pode dar é sermos nós a mandar em tudo, incluindo conduzir.

Mas acha que o volante temos dias contados?

Não, nem pensar.

Que tipo de condutora é?

Rápida mas tranquila.

Qual foi o último azar que teve na estrada?

Graças a Deus já foi há muito tempo, bateram-me por trás. Apanhei um grande susto.

E contou com a ajuda do ACP?

Não foi necessário, mas se fosse contaria.

Para si o clube é sinónimo de…

Para mim, companheirismo e presença são as palavras que melhor definem o ACP.

.

scroll up