O primeiro carro de Gigi

|AUTOCLUBE

 

ACP-Classicos-Primeiro-Carro-Gigi-Bernardo-Reino-detalhe

"O ACP é um amigo permanente para quando é preciso”

Mais conhecido por Gigi, Bernardo Reino (sócio 174880) escolhe as estradas secundárias para viajar de automóvel e sem pressa para chegar ao destino. Todos os seus carros têm alcoolímetros comprados no ACP que o “avisam” quando não deve pegar no volante.

Empresário, casado, pai de três filhos e natural de Lisboa, Bernardo Reino era um motoqueiro confesso quando decidiu comprar o seu primeiro carro.

Qual foi o seu primeiro carro?

Foi um Fiat 127, de 1973

Ainda o recorda com saudade?

Pelo menos foi a minha primeira experiência em andar sobre quatro rodas, porque, na verdade, eu nessa altura era mais motoqueiro.

Qual o episódio mais emocionante que viveu com ele?

Uma viagem ao Algarve em que demorei quatro horas. Se fosse de mota levaria sete.

O que aprecia mais num automóvel?

O facto de também poder transportar a família nas minhas deslocações.

Tem algum carro de sonho?

Sim, especialmente no que diz respeito aos clássicos onde pude realizar os meus sonhos: tenho quatro modelos Jaguar.

Gosta mais de conduzir na cidade ou fazer grandes viagens?

Detesto conduzir na cidade, prefiro andar de elétrico, táxi ou então a pé.

Deixo o carro para fazer viagens mas sem hora de chegada, seguindo pelas estradas secundárias.

Quais são os serviços do clube que mais utiliza?

O apoio do ACP Clássicos ou a loja para comprar, por exemplo, alcoolímetros, muito úteis em todos os meus carros. E quando acusam…não conduzo.

Para si o que é ser sócio do clube?

É senti-lo como um amigo permanente para quando é preciso seja em situações de apur o na estrada ou para tratar de documentação, por exemplo.

scroll up