Quase mil apanhados sem carta em quatro meses

|AUTOCLUBE

947 pessoas foram detidas pela prática do crime de condução sem carta, um aumento de 400 detenções face ao mesmo período de 2019. 

policia-transito

O Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP deteve 947 pessoas suspeitas da prática do crime de condução sem habilitação legal nos últimos quatro meses, um aumento de 400 detenções face ao mesmo período de 2019, anunciou aquela polícia.

Em comunicado, o Cometlis adiantou que as detenções ocorreram entre 18 de março e 18 de julho.

“Durante a pandemia atual registou-se um aumento significativo no número de detenções por falta de carta”, referiu aquela autoridade policial. De acordo com a PSP, foram detidas 547 pessoas no mesmo período do ano passado.

Na nota, as autoridades ressalvaram que continuarão empenhadas em desenvolver operações específicas com o objetivo de alertar os condutores para o cumprimento das regras do Código da Estrada.

O Cometlis lembrou ainda que apenas devem conduzir aqueles que “estiverem habilitados para o efeito, adotando medidas preventivas e conscientes, contribuindo assim para o aumento da segurança rodoviária”.

scroll up