Modelos chineses passam nos testes da Euro NCAP

|AUTOCLUBE

Novo Golf tem 5 estrelas, mas há pormenores que podem alterar o resultado no futuro. Já os fabricantes chineses conseguem o melhor de dois mundos: dois modelos 5 Estrelas e um com 3 Estrelas. 

@video=JKkauDS03UM

O Euro NCAP encerra um ano movimentado com os resultados de testes a mais dez veículos. Ford Puma, MG ZS EV, MG HS, Nissan Juke, VW Golf e Audi Q8 obtiveram 5 Estrelas. Já o Aiways U5, o VW Up! e seus gêmeos, SEAT Mii e Škoda CITIGO, ficaram-se pelas 3 Estrelas.

O VW Golf é uma referência no segmento dos compactos desde a sua estreia, há 45 anos. As versões anteriores testadas pelo Euro NCAP tiveram bons resultados face aos requisitos da época e o novo Golf, agora na oitava geração, alcançou novamente as 5 Estrelas, graças à excelente resistência a colisões e à inclusão de série de vários sistemas de assistência. O Golf também é o primeiro Volkswagen a usar a conectividade V2X (veículo a veículo, veículo a infraestrutura) para permitir avisos de perigo antecipados, uma nova tecnologia importante que será incluída em breve na classificação do Euro NCAP.

No entanto, tal como com o Sharan no mês passado, o Golf foi o segundo VW consecutivo testado pelo Euro NCAP a sofrer uma abertura de porta em um teste de colisão com impacto lateral. A VW afirma que o Golf foi homologado com uma função de bloqueio automático das portas, de série, e que isso impediria essa abertura de porta em acidentes reais. No entanto, a VW já está a investigar a causa do comportamento da porta.

O secretário-Geral do Euro NCAP, Michiel van Ratingen comentou: “As aberturas de portas durante o acidente são penalizadas na Euro NCAP desde o início, pois representam um risco crítico para os ocupantes. As aberturas de portas são raras hoje em dia e é importante que a VW esteja comprometida em encontrar a raiz desse problema.”

A Volkswagen também mexeu nos utilitários Up! e respetivos gémeos (SEAT Mii e Škoda CITIGO). O Travão de Emergência Automático, disponível de série quando os carros foram testados em 2011, passou a ser opcional e, apesar de algumas novas melhorias, os carros perdem duas estrelas face à classificação anterior.

Já a Ford seguiu caminho contrário e dotou o novo Puma de sistemas eficazes. O carro teve um desempenho muito bom, alcançando altas notas nas quatro categorias de testes. Com 5 Estrelas, o Puma entrou no mercado como uma das opções mais seguras no segmento dos preços mais baixos.

Também novos no mercado são o MG ZS EV e o MG HS, ambos no já popular segmento de SUVs compactos, construídos e enviados diretamente do fabricante de automóveis chinês SAIC Motor. Com uma impressionante lista de equipamentos e bom desempenho nos testes do Euro NCAP, estes modelos chineses são compatíveis com muitos modelos europeus, japoneses ou coreanos.

Não se esquivando à concorrência, a Nissan atualizou seu pequeno off-roader Juke e obteve um bom resultado, com 5 Estrelas.

Menos afortunado foi o Aiways U5, totalmente elétrico, o primeiro carro da startup chinesa a ser lançado no mercado europeu e testado pelo Euro NCAP. O SUV futurista, de aparência elegante, teve problemas nos testes de impacto lateral, perdendo todos os pontos pelo impacto do poste lateral, e perdeu por pouco os pontos pela funcionalidade de peões e ciclistas de seu sistema de Travagem de Emergência Autónoma. Esse facto limitou a atual classificação às três estrelas.

Perante estes resultados, a Aiways garante que já estão a trabalhar nas fraquezas do carro e esperam reenviá-lo para uma avaliação mais aprofundada, a fim de tornar o U5 um dos SUVs médios mais seguros disponíveis no próximo ano. Segundo Michiel van Ratingen, este “é o primeiro ano em que vemos três carros chineses testados pelo Euro NCAP. Claramente, os recursos para projetar veículos seguros na China aumentaram nos últimos anos, mas o exemplo U5 mostra que atender aos requisitos de 5 Estrelas ainda pode ser um obstáculo para as empresas mais jovens. No entanto, esperamos verificar o desempenho dos carros quando as deficiências forem efetivamente tratadas ".

O último da lista e no programa deste ano é o Audi Q8. Este grande SUV está ao nível do irmão Q7, testado há duas semanas: um carro de 5 Estrelas.

O Euro NCAP também pretendia classificar o novo Opel Zafira Life, mas interrompeu os testes ao ficar claro que o Zafira Life não substitui o anterior Zafira. Em vez disso, o Zafira Life (Vauxhall Vivaro Life no Reino Unido) é uma van do grupo PSA agora renomeada, mas que já é conhecida nos modelos Peugeot Traveler e Citroën Spacetourer, testados em 2015.

Michiel van Ratingen afirmou que os “operadores de frota e os consumidores estão a receber vinho velho em garrafas novas, pois não há muito de novo sobre o design datado do Zafira Life. O equipamento e o desempenho esperado ficaram tão atrás dos requisitos mais recentes que os testes se tornaram inúteis. Pressionada pelo Euro NCAP pela sua falta de transparência e falsas alegações de segurança, a Opel-Vauxhall vai agora introduzir algumas mudanças no modelo em 2020. 

scroll up