Euro NCAP lança nova escala para condução assistida

|AUTOCLUBE

A ideia é avaliar de forma mais aprofundada os vários sistemas de ajudas ao condutor e a possibilidade da condução autónoma.  

O Euro NCAP e os seus membros são os primeiros a lançar um sistema de classificação de condução assistida para informar os consumidores sobre os melhores sistemas disponíveis atualmente

A ideia é criar a consciência e compreensão do caminho que ainda falta percorrer para a automação dos veículos, numa altura em que a condução autónoma, nos seus mais diferentes níveis, já entrou na ordem do dia.

Com esta nova escala de avaliação, o Euro NCAP pretende perceber as diferenças entre sistemas e avaliar a necessidade de um equilíbrio entre condutor e o veículo para garantir a adoção e o uso seguro de tecnologias de condução autónoma, nos seus diferentes níveis de ação

Cada vez mais tecnologias de condução autónoma chegam ao mercado e (ainda) não fazem parte do esquema de classificação por estrelas do Euro NCAP. Em 2018 o Euro NCAP lançou uma campanha sobre condução autónoma e estendeu agora esse trabalho numa nova e mais abrangente série de testes. Há dois anos, a campanha mostrou que os carros autónomos ainda estão longe de estar disponíveis.

Os atuais sistemas de assistência à condução disponíveis são capazes de oferecer ajuda ao automobilista, mas ainda não são projetados para assumir o controlo total em todas as situações críticas da condução. Este ano, o Euro NCAP desenvolveu testes e protocolos de avaliação dedicados a esta matéria, divididos em duas áreas principais: Competência de Autonomia, com base no equilíbrio entre Envolvimento do Condutor, Autonomia do Veículo e Backup de Segurança. 

Nenhum dos veículos possui sistemas de monitorização concreta sobre o real envolvimento do condutor ao volante. De forma a se obter um maior desempenho de segurança na autonomia dos veículos, é fundamental que o Sistema de Monitorização da Condução (Driving Monitoring System - DMS) faça parte do veículo. O condutor precisa de ser responsável e estar envolvido em todos os momentos ao volante, e os sistemas de assistência existem para fazer exatamente isso - assistir, não devendo liderar a condução ou ter o controlo total.

scroll up