Mach-E exibe todo o espírito Mustang

|AUTOCLUBE

Representando liberdade, evolução, rápidas performances e um toque de rebeldia, o Mach-E está pronto para enfrentar o futuro elétrico.

MUSTANG-MACH-E-840

Pela primeira vez em 55 anos, a Ford expande a gama Mustang, trazendo o famoso pony-car para uma era elétrica através do Mustang Mach-E, um SUV totalmente novo e totalmente eléctrico, concebido segundo os mesmos ideais de espírito livre que inspiraram o coupé desportivo mais vendido do mundo.

Quando chegar ao mercado no final de 2020, o Mustang Mach-E vai estar disponível com opções de bateria standard e com extensor de autonomia, em versões de tração traseira ou integral, alimentado por motores de ímanes permanentes.

“Os avanços registados na tecnologia das baterias foram cruciais para alcançarmos um Mustang Mach-E espaçoso e prático, com uma silhueta bonita, imbuído de todo o prazer de condução que é crucial para os nossos clientes na Europa”, afirmou Ulrich Koesters, Diretor de Veículos Electrificados, da Ford Europa.

Equipado com uma bateria com extensor de autonomia e tração traseira, o Mustang Mach-E vai ter uma autonomia máxima 100% elétrica de 600 km e deverá alcançar os 337 cv (248 kW) de potência e 565 Nm de binário 2.

A Ford também vai lançar uma versão especial de elevada performance: o Mustang Mach-E GT, proposta que deverá acelerar dos 0 aos 100 km/h em menos de 5 segundos 2, tendo uma potência estimada de 465 cv (342 kW) e 830 Nm de binário 2.

scroll up