O Comité do Mercado Interno e Proteção do Consumidor do Parlamento Europeu aprovou ontem o reforço dos requisitos técnicos e de segurança para veículos à venda na União Europeia, assim como o aumento dos poderes das entidades que supervisionam o mercado automóvel.

Este passo é dado numa altura em que a conetividade dos carros é cada vez maior (com efeitos na segurança em caso de acidente, mas também na manutenção e reparação de veículos). 

É, por isso, necessário proteger mais os proprietários dos veículos, legislando para que as marcas automóveis não limitem a possibilidade de escolha da entidade que faz a manutenção e reparação do veículo.

Este voto de aprovação do Comité foi um importante passo na direção certa. O ACP aplaude este reforço da vigilância no mercado automóvel, que assegura mais transparência.

Como entidades independentes reconhecidas, os automóveis clube querem ter um papel ativo no processo, ajudando a garantir que a aprovação de um veículo para venda na UE tem aquilo que o consumidor precisa.

Europa reforça transparência no mercado auto

10/02/2017

Politica de Utilização de Cookies

Este site utiliza Cookies de acordo com a política em vigor. Ao navegar em acp.pt estará a consentir a utilização dos Cookies. Saber mais